Conclusão satisfatória da Feira de Produtos de Marca de Guangdong e Macau 2015, tendo atingido bons resultados

  • Imprimir

Organizada conjuntamente pelo Instituto de Promoção do Comércio e do Investimento de Macau (IPIM) e pelos Serviços do Comércio da Província de Guangdong, foi encerrada hoje (2 de Agosto), com sucesso, a Feira de Produtos de Marca de Guangdong e Macau 2015 (GMBPF 2015, na sigla inglesa). Durante os quatro dias em que decorreu o evento, a GMBPF 2015 atraiu mais de 128.000 entradas de visitantes. Tanto o fluxo de pessoas como a situação de vendas dos expositores de Guangdong e de Macau foram satisfatórios, tendo também sido frutíferos as negociações e os contactos comerciais realizados no recinto.

A GMBPF 2015 registou a realização de 815 bolsas de contacto ao todo durante quatro dias
De acordo com os elementos colhidos pela entidade organizadora, nesta edição da GMBPF, foram realizadas um total de 815 bolsas de contacto, sendo as empresas participantes provenientes da Província de Guangdong (incluindo Guangzhou, Foshan, Shaoguan, Zhuhai, Shantou, Meizhou, Zhongshan, Jiangmen, Yangjiang e Jieyang, entre outros municípios), Portugal e Macau. Os produtos de marca objectos de discussão incluíam, entre outros, produtos alimentares e bebidas, utensílios de uso diário, electrodomésticos, artigos de vestuário, utensílios de mesa e artefactos culturais e criativos. Teve lugar a cerimónia de assinatura de um protocolo, cerimónia essa que foi promovida pela entidade organizadora, sendo as partes contratantes provenientes de Jiangmen e Macau que acordaram no agenciamento e venda de produtos alimentares. A par disso, empresas provenientes de Dongguan e Shantou confrmaram também intenção de agenciamento e cooperação com empresas de Macau. Durante o mesmo período, realizou-se o Seminário de Intercâmbio Económico e Comercial Shenzhen-Macau 2015, proporcionando uma plataforma de intercâmbio económico e comercial para as empresas de Shenzhen e Macau. 


Grande movimento de vendas nas zonas de exposição e venda de produtos de Guangdong e de Macau – Visitantes satisfeitos com os produtos adquiridos
Verificou-se grande fluxo de visitantes especialmente no fim-de-semana. A Sra. Liu, residente de Macau, é uma das adeptas, tendo visitado a Feira e feito compras durante três anos consecutivos. No seu entender, são variados os produtos oferecidos, podendo, de uma só vez, adquirir produtos provenientes de diferentes regiões, pelo que é muito conveniente, sobretudo, tendo em consideração a oferta de deslocação gratuita à Feira em shuttle bus, foi captado, de modo especial, o seu interesse em visitar a Feira. Um outro visitante do Interior da China, Sr. Wu, revelou que, por sugestão dos seus parentes em Macau, deslocou-se especialmente à esta cidade para visitar a Feira, para comprar frutos do mar e outros produtos secos, além de produtos típicos de Macau. Considera que os artigos de marca de Guangdong, disponíveis na GMBPF, são bons e baratos, com preços inferiores aos praticados no Interior da China. Além disso, disse que os diversos jogos interactivos disponíveis no recinto proporciona uma excelente atmosfera à Feira, prometendo voltar a visitá-la no próximo ano, se tiver oportunidade.

Um expositor macaense de produtos alimentares do Sudeste Asiático disse que, na participação nas várias edições da GMBPF, obteve todos os anos resultados satisfatórios.  Considera que a eficácia de promoção da Feira é excelente e que a mesma regista  grande movimento de visitantes, o que é benéfico para as PME´s alargarem a sua clientela e criar fama para os seus produtos. Uma empresa portuguesa de produtos alimentares, que participa pela primeira vez, disse que a situação das vendas nos quatro dias foram acima das expectativas, sendo cinco vezes superior ao que costuma vender  em dias normais, tendo todos os dias praticamente esgotado os seus estoques, sendo até necessário restabelecê-los durante a noite. Este ano, a referida empresa introduziu caixas de presentes de pequena dimensão, especialmente concebidas para vendas na GMBPF. Em face da sua grande popularidade, prometeu introduzi-las na sua loja. Uma outra empresa de Jiangmen, que participa também pela primeira vez, dedica-se à venda de macarrão chinês feita de ovos naturais e de bebidas para preservação da saúde. O seu responsável afirmou que as vendas foram muito satisfatórias, sendo os seus produtos muito populares entre os residentes de Macau, e disse que espera poder encontrar agentes em Macau para os introduzir no mercado local.

A plataforma de serviços para a cooperação económica e comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa está a ser reforçada através da GMBPF
Com vista a articular com a política do governo local em acelerar a construção da plataforma de serviços para a cooperação económica e comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa, foi instalada no recinto desta edição da GMBPF a zona de exposição e venda de produtos de Portugal no âmbito da zona de exposição de Macau. Realizou-se, também no mesmo período, o “Seminário para a Apresentação sobre os Três Centros no âmbito da Cooperação com os Países de Língua Portuguesa e Bolsas de Contacto Empresariais”. No decorrer do mesmo, foi feita a apresentação sobre o papel do IPIM na organização de delegações empresariais da China dos Países de Língua Portuguesa para a participação nas actividades de convenções e exposições que se realizam no Interior da China, nos países lusófonos e em Macau, bem como os trabalhos preparativos para a instalação da sala de exposições do Centro de Distribuição dos Produtos Alimentares dos Países de Língua Portuguesa.

De acordo com uma empresa portuguesa, participante nesta edição da GMBPF, a Feira não só lhe permitiu contactar directamente os consumidores e, por esta via, ajustar as suas estratégias na comercialização e embalagem de produtos de acordo com a situação de procura do mercado, mas proporcionou-lhe também oportunidades para contactar directamente os distribuidores e outros comerciantes. Espera, portanto, encontrar parceiros adequados para estabelecer pontos fixos de venda em Macau, dotados de serviços de degustação. 

Jovens Empreendedores conseguiram, com sucesso, aprender experiência sobre comercialização de produtos
Com vista a promover o desenvolvimento das indústrias culturais e criativas de Macau, e, ao mesmo tempo, proporcionar oportunidades aos jovens empreendedores para adquiriram experiência prática, a entidade organizadora estabeleceu a Zona de Jovens Empreendedores e a Zona de Exposição Cultural e Criativa da Juventude. De acordo com um jovem empreendedor do ramo de produtos alimentares, esta edição da GMBPF proporcionou-lhe oportunidades para aprender as estratégias de abastecimento de mercadorias e técnicas de vendas das bem sucedidas empresas congéneres. Ao mesmo tempo, observou que o café com a marca de Macau, vinhos de Portugal e sumo de frutas da Alemanha de que eles são agentes em Macau foram bem recebidos por várias empresas do Interior da China, e que estão a negociar com essas empresas, prevendo-se que, no futuro, haja possibilidades  de introduzir esses produtos para os mercados no Interior da China. Uma outra empresa de design criativo apresentou desenhos animados inspirados no Galo de Barcelos português, em que atraiu a atenção de muitos visitantes que foram tirar fotografias para recordação. O responsável da empresa disse que a participação no GMBPF irá elevar a fama dos seus produtos criativos, esperando poder encontrar, no futuro, parceiros para produzir em Macau essas personagens de desenhos animados como marca original de Macau e lança-las ao mercado.

Uma feira sem fim, com promoção contínua através da plataforma electrónica e em benefício da economia comunitária
Com vista a alargar a sua eficácia, após a conclusão da Feira, a entidade organizadora irá fazer o upload dos elementos dos expositores e respectivos produtos na página electrónica, para promoção a longo prazo. Caso desejar re-encontrar os expositores e os produtos expostos na GMBPF, poderá aceder à página electrónica oficial da GMBPF (www.guangdongmacaofair.com). A par disso, mesmo depois do encerramento da GMBPF 2015, parte dos expositores locais continuarão a proporcionar regalias através da plataforma de promoção electrónica “WeChat Shake”, com vista a impulsionar o desenvolvimento económico na comunidade.  Por outro lado, a lista dos premiados no Grande Sorteio será publicada no Jornal Ou Mun e na página electrónica oficial da GMBPF em 4 de Agosto.

 

Para ver a notícia original, clique aqui

in http://www.ipim.gov.mo, 02/08/15